sexta-feira, outubro 29, 2010

Coisas que eu sei eu adivinho sem ninguém ter me contado...

Coisas que eu sei;
Danni Carlos


Conheço gente que passa pela vida e não aprende nada, porque não consegue, ou porque acha que já nasceu pronto... conheço gente que vive num mundo que a mim, mais parece o purgatório, batendo cabeça e achando que o mundo é que tem que mudar...

E se isso contar pontos no céu, tenho certeza que meu caderninho de anotações está cheio de estrelinhas, porque gente, eu aprendo!!

Tem gente que acha que porque gosta de uma pessoa, a pessoa é obrigada a gostar dela!! E fantasia que tem milhões de afinidades, porque gosta da pessoa. Aprendi que gostar de alguém não significa ter afinidades, é bom aprender a diferença entre afinidade e admiração!!

Não li o "Pequeno Príncipe" quando era adolescente. Acho que "tu te tornar responsável pelo que cativas" é uma frase que engana. Tem gente que passa a vida sofrendo por causa dessa maldita frase!!

Se alguém dá um sorriso ou tem uma atitude educada já acha que foi "cativada" e que por isso o infeliz é responsável pelo que ela sente e tem que retribuir... coisadidoidu!! Aprendi que se uma pessoa gosta de mim, eu não sou obrigada a gostar dela!!

Esse assunto poderia se estender por vários e vários parágrafos, mas é que hoje eu tô meio assim... curta e curta!!

7 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Conversamos sobre isso, né? ehehehe

Não sou responsável por ninguém que cativo e ninguém é reponsavel pelo afeto que dedico...

E essa questão de afinidades. Jesus! Como tem gente que se acha nossa amiga, cheia de afinidades e a gente fica procurando qual foi o capítulo da história que perdemos... rs

Beijoxas

Tatiana disse...

hahaha...pois é Jade, somos tao diferentes uns dos outros, as vezes admiramos alguem que nao se identifica com a gente, fazer o que?
O meu lema, é nao levar nada no pessoal, isso sempre me ajudou, cago(desculpe o palavriado) e ando se nao gostou da fofa aqui.
Beijocas!!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Jade!
Isso é verdade. Acontece mesmo, não é porque a pessoa gosta da gente que a gente é obrigado a gostar, a ficar amigo, a andar junto, não é?
Se a pessoa é educada, é o mínimo que se espera de uma pessoa civilizada. O que seguir depois disso não tem regra alguma.

afinidade não quer dizer nada, o importante é a empatia e acabou. se foi com a cara, gostou do jeitão, tá bom, é o requisito inicial.

eh isso ai!
bom domingo

G I L B E R T O disse...

Jade

Aprendi a gostar de vir aqui para ler seus text... melhor, suas introspecções!

Maravilha!

Anônimo disse...

A polícia federal tem um site onde denúncias de crime de internet pode ser investigada o link é este aqui:

http://www.serasaexperian.com.br/guiainternet/51.htm

Sentiu-se lesada por esta história toda De Anne e Edu,entre e denuncie,vamos deixar nas mãos da justiça e esperar que esta história toda seja esclarecida.

Thales disse...

Oi, tudo bom? Se me permite, o "cativar" usado no Pequeno Príncipe tem o sentido de "por em cativeiro", não o de "fazer-se gostar". No texto original o termo é "apprivoisé", que em francês tem o significado de domar, domesticar, amansar, adestrar. Acho que muito do sentido original perdeu-se na tradução para "cativar".

No mais, concordo contigo, não somos obrigados a retribuir o sentimento a quem gosta de nós.

Monica™ disse...

Concordo com vc. Ninguém pode ser mais responsável pela minha felicidade além de mim mesma !!! Beijos.