terça-feira, março 06, 2007

A gente espera do mundo
e o mundo espera de nós
um pouco mais de paciência.

Paciência;
Lenine

Dois posts com Lenine... gosto dele!! Ah, quero aproveitar e pedir desculpas prá Marcinha, que não dá conta de ler o tanto que eu escrevo... minha linda, perdoe, mas eu tô numa sanha danada de escrever!!

Bem, vamos lá então... eu sou macaca velha de internet... conheço salas de bate papo desde 97, já vi de tudo!! Já me apaixonei, fiz amigos, alguns namorados, conheci Lee, que namorei por quase 2 anos e cheguei a viver junto.

Assim como a Fernanda, já vi de tudo e já passei por muita coisa. E o que eu mais percebo é que há gente que mente compulsivamente, quando e apenas porque está atrás de um monitor ou de um telefone.

Uma mentira descobre-se não só olhando nos olhos, vê-se tanto na escrita quanto na voz, só que, há pessoas tão dissimuladas que só sendo muito desconfiado prá perceber, e eu sou muito desconfiada.

Eu até pareço ingênua, de tão descaradamente que eu me mostro aqui no blog, toda hora ponho minha cara e tal, porque eu sou assim, me mostro porque minha vida não tem nada de mais, mas se alguém abusa do limite, eu corto logo, com aquela delicadeza que todo mundo já conhece.

Entregar-me a alguém que conheci virtualmente só se eu conseguir perceber muito bem como aquela pessoa é. Algumas pessoas conseguem isso em dois segundos, como a Esfinge, porque o "feeling" foi bom.

Bem, eu entrei numa comunidade do orkut "eu tenho um amigo mentiroso", porque tenho mesmo, um vizinho que quando fala, encanta todo mundo em volta, mas o cara é tão mentiroso que dá até vontade de sair correndo!! A mais recente é que ele ia pegar o Lady Laura emprestado prá fazer nossa festa de ano novo. (para quem não sabe, é o famoso iate do Roberto Carlos!)

Enfim, porque eu estou falando isso tudo? Ainda que eu esteja escrevendo com bom humor (o beijinho do Sujeito Oculto ajudou), eu estou muito preocupada, com meu amigo de trabalho, por conta de uma pessoa que ele conheceu em bate-papo.

Há cerca de 8 meses ele conheceu uma mulher no bate-papo. Ela se disse carioca e que é tenente da Marinha. Mandou uma foto que mais parece de comercial de margarina, disse que ia mandar outra fardada e nunca mais.

Saiu em missão por 6 meses e quando estava tudo certo para voltar, falhou na missão e foi transferida prá outro estado. Ligava do exterior, dizendo que estava usando GPS no celular, mas eu pedi a Lee prá pesquisar e ele me disse que a operadoda de celular dela não oferece suporte para esse serviço.

Ela conta tanta estória, e tão surreais, que eu fico de bobeira. Ele já gastou mais de 1.200 reais em telefonemas (que ela disse que vai pagar amanhã) e está pensando em comprar uma passagem para outro estado para encontrá-la. Já ia marcar viagem essa semana, mas ela disse que não vai ter nenhum dia de folga durante o mês de março.

Hoje eu pressionei, disse a ele que não quero mais falar com ela (porque ela é minha amiguinha) até que se comprove sua existência. Estou rezando prá estar errada, mas fala sério, a coisa tomou uma dimensão que eu estou assustada. Bem, vamos ver se o dinheiro entra amanhã na conta dele.

4 comentários:

Andorinha... disse...

Jade querida, obrigada pelo seu comentário no blog da Esfinge, viu!
Adoro ler vc.
Beijos,

Fernanda disse...

Pois é... a gente já conversou sobre a tal mulher... acho a mesma coisa que vc... E depois de tudo que já passei, acho que seu amigo deveria mesmo dar uma prensa nessa mulher...

Como disse no meu post, quanto mais tempo esses contatos virtuais se arrastam, maior a idealização e a decepção, se ela ocorrer...

Hoje em dia estou muito desconfiada, mas não descarto a possibilidade de conhecer alguém da net, se isso acontecer um dia, vai ser fazer contato hoje e no máximo em uma semana olhar no olho... Ver o que acontece logo...

Acho que vc tá certa em suspender o contato com ela, até que prove quem é realmente... Afinal vc é amiga dele...

Acho que os amigos servem tb para alertar, falar tudo mesmo, não deixar nada por dizer... Afinal, se os amigos não alertam, quem vai alertar? O jornaleiro da esquina? bjs

Segredos da Esfinge disse...

Jade!!!
Eu "tô" vendendo uns lotes bons,com visão pro mar lá no céu.
Deusdocéu fala sério!!!!
Bjos

Emilia disse...

Ihh, é fugir de gente mentirosa. Eu não conheço não, mas tenho uma colega que, em certa fase complicada de sua vida, mentia compulsivamente, por desequilíbrio emocional, carência, não sei. Diziam que era mitómana,acreditava em todos os mitos e bobagens que contava, e era cada uma!A gente nunca sabia se ela estava falando verdade ou não, porque ela punha o ar mais natural e convincente. Isso me incomodava. Eu lido mal com mentira, não sei o que fazer.Nos relacionamentos através da net também acho que é preciso prudência, precaução.