segunda-feira, julho 16, 2007

Sonhos...

Uma amiga sonhou que eu estava namorando um gatinho de óculos, apaixonadíssima e feliz da vida... mas ele tinha 16 anos!! Quem pode com isso? Eu heim!! Homem que tem idade prá ser meu filho ou age como se fosse, passa batido!! Sai fora!!

Em 2000 tive um namorado. Chamei ele de Lobo Mau, tem um pouco sobre ele no outro blog.

Long story short, felizes no papo e na cama, ele queria um filho, eu não, ele queria casar, eu não, a mãe queria a nora por perto, eu não!! Depois de seis meses e ele me deixou por uma com o perfil. Sofri feito um cão, depois passou, trocávamos emails.

Quando passou a empolgação, a moça já morava na casa dele, sentiu que ele ia terminar, engravidou, e ele casou com ela.

Nos dois anos seguintes, eu namorei e vivi com Lee. Nos separamos na época que ela engravidou e ele me chamou prá conversar, pediu conselhos e depois de um tempinho, voltamos a sair.

Única vez que fiquei com um homem casado, não senti culpa, porque eu tinha uma certa raiva dela... liguei o foda-se!! Com cuidado para não me apaixonar de novo, separei sexo de sentimento (é gente, mulher também consegue!!).

Não perguntava da vida dele, só da filha, não ligava, não cobrava, não fazia nada!! Por isso, quando ele começou a me cobrar certas coisas, me incomodou!! Um dia explodi e disse: "Ah porra!! Pára de me cobrar tanta coisa, eu sou amante, não sou sua esposa!! Quer alguém cuidando das suas coisas, pede prá ela, eu só quero sexo!!

É, mais grossa que sal de churrasco, eu sei, prá mim era difícil... me incomodava ser amante, tentava não me apaixonar novamente, ele queria atenção, eu não sabia se devia dar essa atenção, não sabia que o casamento dele ia mal e eu era tão carente quanto ele.

Ele se afastou, eu deixei. Uns 8 meses sem coragem de falar um com o outro. De umas semanas prá cá, venho pensando nele, aí mandei uma mensagem, ele respondeu e hoje nos falamos por telefone.

Desculpas pedidas e aceitas por ambos, vamos nos encontrar e conversar. Ele está se separando e estava criando coragem para me procurar. A sensação de que havia algo errado não foi falsa.

A falta de conversa cria situações que raras vezes conseguimos recuperar. Perdemos amigos, amores, parentes, emprego, por orgulho, por receio, por falta de auto-estima. É bom quando a gente bota os empecilhos de lado e conversa!!

2 comentários:

Nath�lia disse...

A conversa foi o que salvou meu relacionamento. N�o tanto por n�s dois, foi mais por mim.

Eu estava me sentindo insegura e estava com medo de muitas coisas de vido a algumas situa�es que haviam ocorrido.

Depois de conversar eu consegui me desfazer de muitos pensamentos que estavam me atrapalhando e consequentemente atrapalhando a n�s dois.

Por isso sou defensora ferrenha de uma boa conversa, uma conversa sincera. Afinal, ela j� me salvou in�meras vezes.

Beijos pra voc�

Muneo disse...

J@de, vale a pena isso? (duvida estritamente pessoal)
Nao vale a pena se livrar de vez do passado e tentar uma vida nova?

O ditado popular diz que pau que nasce torto morre torto. Entao, ficar insistindo uma relacao com uma pessoa , que outrora, nao deu certo, vale a pena?

Gostaria de saber sua opiniao...
Bjo