quarta-feira, setembro 19, 2007

Num mundo perfeito...


... Renan Calheiros seria ladrão, Mônica Veloso seria uma vagabunda, a criança, coitadinha (porque criança é inocente) seria uma filha da puta e o congresso seria fechado pela polícia por ser um puteiro!!
Eu nem ia falar disso, quem acompanha meu blog sabe que raramente eu falo sobre atualidades políticas, mas recebi essa imagem por email, me deu uma raiva viu?? Eu fico indignada vendo meu dinheiro ser desperdiçado sem minha permissão!!

Ainda por cima a gente fica sem saber o que fez aquela raça prá quem nós demos procuração para representarem nossos interesses!! É do caralho ser ultrajado, desrespeitado e chamado de besta em rede nacional!!
E que ninguém diga que eu reclamo mas não faço minha parte. Não sou militante de nenhum partido, a honestidade, respeito e senso de vida social começam em minha casa e num mundo começaria na casa de todo mundo!

Mês passado fui no show da Maria Bethânia e ela declamou, um poema de Fernando Pessoa, sob o codinome de Álvaro de Campos, de 1917. Cheguei me arrepiar revendo agora no iutubiu!!

Uma pena que até hoje este poema se encaixe em nossa atual situação política.



Ultimatum
Álvaro de Campos, 1917

Mandado de despejo aos mandarins do mundo
Fora tu reles esnobe plebeu
E fora tu, imperialista das sucatas
Charlatão da sinceridade e tu, da juba socialista, e tu qualquer outro.
Ultimatum a todos eles e a todos que sejam como eles todos.
Monte de tijolos com pretensões a casa
Inútil luxo, megalomania triunfante
E tu Brasil, blague de Pedro Álvares Cabral que nem te queria descobrir.
Ultimatum a vós que confundis o humano com o popular
Que confundis tudo!
Vós anarquistas deveras sinceros
Socialistas a invocar a sua qualidade de trabalhadores para quererem deixar de trabalhar.
Sim, todos vos que representais o mundo, homens altos passai por baixo do meu desprezo
Passai, aristocratas de tanga de ouro,
Passai frouxos
Passai radicais do pouco!
Quem acredita neles?
Mandem tudo isso para casa, descascar batatas simbólicas
Fechem-me isso a chave e deitem a chave fora.
Sufoco de ter só isso a minha volta.
Deixem-me respirar!
Abram todas as janelas
Abram mais janelas do que todas as janelas que há no mundo.
Nenhuma idéia grande, nenhuma corrente política que soe a uma idéia grão!
E o mundo quer a inteligência nova, a sensibilidade nova

O mundo tem sede de que se crie
O que aí está a apodrecer a vida, quando muito, é estrume para o futuro.
O que aí está não pode durar porque não é nada.
Eu, da raça dos navegadores, afirmo que não pode durar!
Eu, da raça dos descobridores, desprezo o que seja menos que descobrir o novo mundo.
Proclamo isso bem alto, braços erguidos, fitando o Atlântico
e saudando abstratamente o infinito.

7 comentários:

Suzi disse...

acho que eu não quero comentar isso.
não tô com vontade de vomitar agora, às oito e pouco da noite, percebe?

Mulher Aspirina disse...

Put'z........ kkkkkkk essa imagem acabou com nóis, hahaha
Beijos da Aspirina.

°Nathália° disse...

Você já viu o comercial do PPS?

Caso não: basicamente o comercial diz que temos de trocar o símbolo da estrela pelo nariz de palhaço...

Não! Muito obrigada! Eu não sou uma palhaça.
Jamais irei me auto-declarar uma palhaça...

Não sou militante de partido algum, porém procuro saber sobre cada candidato no qual eu penso em votar e já tenho minha posição política muito bem definida.

Já está na hora de se fazer algo.
E eu não estou me referindo a pesseatas simbólicas com cartazes e camisetas que não resolvem nada...

Enfim... são coisas como esta do seu post que me tiram do sério...

Beijos.

Codinome Beija-Flor disse...

Meu Deus!!
Tão lindo, tão triste, tão atual.
Bjo

J@de disse...

É Nathália, não vi o anúncio, mas vc tem razão, a gente não tem que aceitar né? Mas é de dentro de casa que a gente começa a fazer o certo né?
Beijos!!

Osc@r Luiz disse...

Postei esse cronograma também lá pra trás...
Raramente protesto ou discuto política, mas quando faço, FAÇO!
Ontem protestei contra a Brasil Telebosta, que me vende uma coisa e me entrega outra!
È um saco esse nosso país impune onde empresas e politicos não respeitam seus consumidores e clientes...
Se for mesmo necessário protestar, eu protesto. E azar de quem não faz...
Tudo ao seu tempo... Tudo com fundamento e coerência, por que ficar gritando aos 4 ventos só por que é moda, também não resolve p... nenhuma!
Beijo!

Marcelo Rosa disse...

É J@de, a gente realmente tem que se sacudir para deixar um Brasil melhor para os pequenos que estão crescendo. E isso começa por votar direito.

Já conhecia teu Blog, mas sou um visitante esporádico, pois ando sem tempo nem de ler o meu blog..:)

Vai para o meu RSS, para eu pelo menos ver o que estou perdendo.

Amplexos.